Amor de Mãe

Um dia, uma criança disse à sua mãe: «Quero ir para longe, por esse mundo fora».

Um dia, uma criança disse à sua mãe: «Quero ir para longe, por esse mundo fora».

A mãe respondeu: «Então eu também vou e proteger-te-ei para que nada de mal te aconteça».

«Então, eu tornar-me-ei um rio selvagem cuja água corre rapidamente através da terra» – disse a criança.

Ao que a mãe respondeu: «Então, tornar-me-ei a terra que abraça o rio e guia o seu curso».

Isto enfureceu a criança, que disse: «Então, tornar-me-ei um pássaro que pode voar para longe, tão depressa como o vento».

A mãe ficou calada, olhou com amor para o seu filho e disse: «Então, eu vou enterrar as minhas raízes profundamente na terra e tornar-me-ei a árvore à qual tu regressarás ao longo da tua vida».

M. Preußler, Kassel